21 de junho de 2016

Coleção Inverno 2016 de Alexandre Herchcovitch

Olá meninas,

Ontem começou oficialmente o inverno aqui no Brasil, o frio já estamos sentindo a algumas semanas, mas estação de fato começou no inicio da noite de segunda feira.
No Outono falei um pouquinho dos desfiles de Pré Fall, que acontece internacionalmente. E para o Inverno vou mostrar o que foi desfilado nas principais semanas de moda.
Começando pelo nosso SPFW, que aconteceu em Outubro passado e o estilista escolhido da vez foi Alexandre Herchcovitch.

Alexandre teve como inspiração uma história de boudoir sobre amor e perda, perversão, sexo e poder. Um desfile bem fetichista moderno e sofisticado, trazendo a questão da dualidade, o agressivo e o leve, o sexo e o austero, o perigo e a inocência.

O estilo dessa coleção passeia entre o moderno bem dramático com muitas peças em preto e com o geométrico, e o estilo sexy com peças recortadas em pontos diversos do corpo, por vezes mostrando até o corpo nú, ousando e impactando. A cartela de cores é sofisticada e bem restrita ao tons neutros preto, branco e cinza. Cores frias clássicas da temporada de inverno.


Nessa primeira foto, aparece as camisolas de tricoline com trabalho de fitas de gorgorão. Mostrando o fashionismo nos laços desamarrados e o urbano no tecido e na modelagem confortável. Percebam o contraste entre o tecido fluido e o peso das botas de couro, o preto contrastando com o branco. 


Na segunda foto as golas alta se destacam, são ótimas para o frio, mas não muito amiga das baixinhas. O truque para alongar um pouquinho a silhueta é prender o cabelo. O cetim de seda também aparece nessas produções trazendo sofisticação.


Na terceira foto aparece a ousadia do desfile de Alexandre, com recortes em pontos estratégicos do corpo, como seio, umbigo e ombros. Peças com recortes geométricos estão super em alta no mundo fashion a algumas temporadas, e para alguns biótipos eles são ótimos aliados. 
A primeira produção está liberada pra quem tem ombros estreitos, pois tira um pouco o foco da região, a segunda e a quarta produção as alças são mais abertas, o que é bom pra quem tem biótipo ampulheta, que o cuidado é em equilibrar as proporções.
Uma outra peça must have são as saias midi, para o frio o estilista mostra a versão com botas de cano longo e meias na mesma cor.


Na quarta foto o fashionismo fica com a túnica de gola alta usada por cima da calça skinny, a pantacourt usada com meia e sapato da mesma cor, dando um pouco mais de vida útil às peças.
Nessas produções aparece também as transparências com tule elástico, que continua sendo um super hit.


Nessa foto percebam a modelagem de shape quadrado, bem característico do estilista desde do inicio de sua carreira.


Aqui o destaque fica para a única padronagem da coleção nos tons de cinza, preto e branco. E o que são essas botas? Lindas né? Mas tomem cuidado com esses contrates, eles achatam a silhueta e dão a ilusão de quadril mais largo.


Mais um hit da temporada são os decotes com amarrações, bem anos 90... eu lembro de ter usado muito, e agora retorna ao mundo fashion mais sofisticado.


Dessa foto podemos nos inspirar nos maxi casacos, esse com zíper aparente é super trend. As botas de verniz que já apareceram nos desfiles de Pré fall, também são aposta certa além de ser um brilho que pode ser usado de dia.


Uma coleção bastante artesanal, com tecidos Tricoline de cashmere, fitas de gorgurão, tafetá de seda, jacquard, tule elástico, cetim de seda stretch, meia malha, lã cashmere, canvas de lã, lã alpaca e crepe georgete.


O que acharam meninas?? Gostaram?

Deixa seu comentário, quero saber a opinião de vocês...

Beijooosss e até mais...

Fonte: Fotos Vogue / Texto baseado no site FFW








Comente com o Facebook:

2 comentários:

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...